Pular para o conteúdo principal

Dúvida esclarecida

Lembram da dúvida que a gente tinha quanto ao curso do André? Mandamos um e-mail pro Consulado (na verdade, dois), e com alguma demora eles responderam:


Prezados André e Ana Paula,

A sua dúvida é quanto aos pontos do fator de adaptabilidade/educação do esposo.

Se o curso dele de tecnólogo é reconhecido pelo MEC como sendo curso superior, ou seja pos-secundário e somando os anos regulares de estudo ele completa 14 anos no mínimo, ganha-se 4 pontos.

Para tirar qualquer dúvida, recomendo que mande o histórico escolar mais uma declaraçao da escola sobre o nível de educaçao desse curso.

Qualquer dúvida, entre em contato novamente.

Atenciosamente,
Setor de Vistos


Oba! :o) Fizemos as contas direitinho mesmo.

Ufa!

Comentários

Mirela disse…
Que bom, estamos aqui torcendo para vcs!
Luly :) disse…
Que bom, Ana!
Agora pode ficar tranquila!!! :)

Bjos
Anônimo disse…
AGORA FECHOU!!
ESTOU INDO MORAR EM VANCOUVER TAMBÉM.

VEJO VOCÊS POR LÁ.
DAVID
davidchsbr@yahoo.com.br
Erasmo & Elaine disse…
Olá André, Ana Paula e Laura...tenho acompanhado o blogs de vocês (show!!!). Embora nosso processo seja para Quebec (estamos aguardando a entrevista), me interessei pela possibilidade de abrir a conta no HSBC, mesmo estando ainda no Brasil. Teria como vocês nos fornecerem mais detalhes? Um forte abraço e boa sorte na jornada!!!
Nanny Kyrillos disse…
Oi Ana, André e Laura, obrigada pelo recado.
Nossas datas para o processo de imigração são muito próximas!Não vejo a hora de recebermos notícias do consulado!
Abs
Nany

Postagens mais visitadas deste blog

Você moraria em uma área de terremotos?

Aparentemente nós vamos (se tudo der certo!). Uma amiga minha, que também está com processo encaminhado e queria ir pra Vancouver, veio conversar comigo no início da semana perguntando se eu vi um documentário no Discovery Channel sobre um mega-terremoto que arrasou a costa oeste das Américas em 1700. Segundo especialistas, outro mega-terremoto desses está por vir, em algum momento entre agora e nos próximos 500 anos. Os mega-terremotos são espaçados de 200 a 800 anos, em média.

Aí eu fui catar na internet tudo sobre terremotos em Vancouver. E me deparei com muita informação, inclusive um departamento do governo canadense que cuida só disso, com monitoramento de todos os tremores que acontecem no país - não é só na costa oeste não, acontece em várias partes do Canadá, inclusive no Quebec.

Parece que tremores acontecem com frequência. A cidade tem melhorado a infra-estrutura de edificações para proteger contra grandes tremores e evitar estragos maiores. As pessoas são orientadas como pro…

35mm por 45mm

Quando comecei a ler as instruções do processo e toda a documentação necessária, fiquei muito intrigada com o tamanho das fotos: 3,5 x 4,5 cm. São necessárias 6 fotos. É isso mesmo, não é o padrão 3x4 que a gente conhece, esse meio centímetro de cada lado faz falta. E a especificação não fica por aí... o tamanho do topo da cabeça ao queixo tem que ter entre 2,5 cm e 3,5 cm. Tá tudo detalhado nesse documento, na página C-1.

Primeiro nós tentamos fazer em casa mesmo. Tiramos fotos digitais e manipulei o tamanho no Photoshop. Mas como meus conhecimentos na ferramenta são apenas para a web, é claro que não deu certo. Eu coloquei exatamente o tamanho pedido na régua do Photoshop e quando imprimiu naquele tamanho que eu pedi, a imagem ficou com uma resolução péssima. O que eu tinha que fazer era criar um arquivo em tamanho bem maior, pra quando imprimisse num tamanho menor, a resolução ficar boa. Mas aí tinha que fazer muitos cálculos e proporções pra saber o tamanho necessário do arquivo...…

Mudança - O que levar e o que deixar

Se me perguntarem o que eu levaria para o Canadá, responderia que levaria minha casa como ela é, com tudo dentro. Mas...

Sabemos que não dá pra levar tudo que queremos. No way! O jeito é classificar os objetos como "deixáveis", "duvidosos" e os "necessários".

Antes de classificar, saiba que é possível, sim, transportar o que você quiser para qualquer lugar do mundo. Mas, como na vida, tudo tem um preço. E que preço!

Diversas empresas efetuam o transporte mas só para ter uma idéia, o frete aéreo custa em média US$2,50/Kg ou US$6,00/m3. Ainda, as taxas adicionais de expediente, de armazenagem, de combusível e de emissão Cia. Aérea.

Por via marítima, algumas empresas cobram por metro cúbico. Como vai de container, neste caso compensa juntar com mudanças de outras famílias para fazer cair o valor do metro cúbico.

Com o dinheiro que você deixa de gastar com transporte, você pode comprar tudo no Canadá e de acordo com sua nova moradia. Se você não sabe onde vai mor…