Pular para o conteúdo principal

Uma semana de Canada: licoes que ja aprendemos

Hoje faz uma semana que chegamos em Vancouver. E ja deu pra perceber algumas diferencas do Brasil...

  • Praticidade aqui e regra numero um. Eh impressionante como os produtos no supermercado sao praticos! Comida praticamente pronta pra voce esquentar em casa, legumes e verduras ja lavados e cortados, os produtos de limpeza tambem sao muito praticos. Como nao se tem costume de ter empregada aqui, compensa-se com a praticidade. Eh muito facil manter uma casa arrumada aqui.
  • Tudo aqui eh MEGA! As embalagens sao todas enormes! Eu fui comprar um shampoo pra Laura, e so tinha embalagens muito grandes. Melhor que dura mais, o que diminui a frequencia das viagens ao mercado.
  • Por mais que voce seja fluente em ingles, eu nao conheco ninguem que nao se confunda com as sinalizacoes nas portas: Pull e Push. Agora eu aprendi um macete! Se a barra da porta eh vertical, eh pra puxar (Pull), se eh horizontal eh para empurrar (Push). Claro que ha excecoes, mas via de regra o macete eh verdadeiro.
  • Os seus direitos aqui sao respeitados. Os moradores reclamam de barulho nos apartamentos, eles se preocupam muito com isso. Por causa das reclamacoes, as pessoas evitam dar motivos, obvio. Entao todos respeitam o espaco do outro.
  • Aqui nao se joga papel higienico na lixeira, eh no vaso mesmo.
  • Voce recebe dinheiro retornando latas de aluminio para reciclagem. Sao poucos centavos por cada lata, mas ja eh um incentivo para a reciclagem.
  • Se voce esta procurando um lugar pra alugar, antes de marcar uma visita, passe em frente do local. Aconteceu conosco duas vezes, ligamos pra marcar de ver apartamentos e quando chegamos no predio, era horroroso. Ligamos para desmarcar imediatamente.
  • Maquina de lavar louca eh tudo de bom!
  • Algumas roupas encolhem na secadora de roupas, principalmente malhas e moletons. Nao sei as roupas daqui, mas as nossas do Brasil encolheram na minha primeira experiencia lavando roupa aqui. Tambem nao se tem o costume de passar roupa, o que eu estou achando o-ti-mo! Quando a roupa sai da secadora, eh so dobrar direitinho que ela fica lisinha! Claro, isso nao eh verdadeiro para as camisas sociais. Infelizmente.
  • Aqui aprende-se a respeitar as culturas diversas. O multiculturalismo eh muito importante aqui. No mercado, voce ouve diversas linguas: chines, espanhol, arabe, e muitas outras que eu nem reconheco!
  • Ha filas em pontos de onibus. Ninguem se atropela pra subir nos onibus.
  • Pedestres sao todos-poderosos. Os carros param pra eles em qualquer situacao. Talvez porque o seguro do carro seja caro aqui, ninguem quer correr o risco de ter que pagar indenizacoes milhonarias.
  • Quando entrar em uma casa, tire os sapatos. Ninguem fica de sapato dentro de casa.
  • Os precos que voce ve nas etiquetas nao sao os precos finais no caixa. Os impostos sao aplicados no ato da compra. Eu acho isso muito mais justo do que no Brasil, que eh tudo embutido. So temos que acostumar com isso e lembrar que o item de 9,99 que voce viu na prateleira vai custar 12 e pouco, e nao 9,99.
  • As casas nao tem lampadas no teto. Sao muito poucas, nao tem uma em cada comodo, como a gente conhece no Brasil. O costume aqui sao luminarias que refletem no teto, fazendo luz indireta.

E pra terminar, algumas fotos pra voces!



No aeroporto / At the airport
A chegada no aeroporto de Vancouver, depois de mais de 24 horas em transito.

Laura, encapotada
A Laura, encapotada pro frio da cidade, ainda na area aquecida do aeroporto.

Abaixo, a vista de Vancouver, em Burnaby. As montanhas cheias de neve. Alias, hoje de manha nevou aqui.
Montanhas com neve / Snow at the mountains

Burnaby, British Columbia

Comentários

Fernanda disse…
Que delícia tudo isso! Essa cidade é realmente o máximo, não vejo a hora de chegarmos aí!

To adorando as novidades... continuem postando!

Beijos e boa sorte!

Fe
Mirela disse…
Muito bom seu post!
Realmente resume todas as primeiras experiências!
Boa sorte para vcs e para a Laura, que com certeza irá adaptar-se primeiro que vcs!
Dan disse…
Algumas coisas que eu aprendi no Canadá também, para ajudar vocês:

- existe uma lei dizendo que as portas sempre abrem para fora, para que a evacuação seja mais fácil em emergências! Também não vale para todas as portas, mas é mais fácil do que parar para pensar em push/pull.

- o dinheiro que se recebe para a reciclagem é pago a mais na hora da compra do produto, sendo acrescido ao preço final, e com os impostos em cima ainda. Ainda é um incentivo à reciclagem, mas é só o seu dinheiro de volta, tipo um caução.

Aproveitem Vancouver, a cidade é linda!

Abraços,

Dan
http://degelocanadense.blogspot.com
Civilidade é o que há. Tô com inveja, viu? (risos) Porque o Rio é lindo, as pessoas são simpáticas e alegres, mas, vamos combinar, o povo é mal-educado. E o pior é que falta de educação, às vezes, é contagiosa... :-(

Beijos,
Silvia
Raquel disse…
Olá !!
Nossa como vocês estão rápidos!!! Muito legal, um espelho pra gente... Já arrumaram rapidinho lugar pra morar, já falam em trabalho, a adaptação assim vai ser um sucesso. Parabéns mesmo!!! Sem falar que pra gente aqui é o máximo ficar acompanhando porque vocês postam mesmo com a correria que deve ser... Valeu mesmo e tudo de bom pra essa família tão bonita e cheia de determinação.
Um abraço
Raquel
Cláu Akamine disse…
Respeito é tudo!
São essas pequenas diferenças que nos fazem pensar sobre o estilo de vida que levamos aqui no Brasil.
Qto à praticidade... amei, não passar roupas então... É MARAVILHOSO!
Não andam com sapatos em casa? Que interessante... os japoneses possuem o mesmo hábito... fico pegando no pé da minha sogra qdo ela vem nos visitar. Mas aqui, com piso frio é impossível andar sem um chinelinho. Mas para manter a casa limpinha é a melhor opção... nada de sapatos!!!
Adorei as fotos.
Beijocas com carinho
Cláu
Claudia disse…
Oi Ana. Que diferença daqui do Brasil hein!! Muiiito melhor né... Acho que vcs não terão nenhum problema com a adaptação aí...
Sucesso para todos !
Diniz disse…
Oi Ana Paula e André,

que bom que voces já estão descobrindo as maravilhas do primeiro mundo...

Educação, praticidade, honestidade, etc...realmente é mais facil vicer assim.

Olhando este post de voces cada vez mais nos da força para termos paciencia para que os nossos processos aconteçam e se possivel o quanto antes.

Abraços,

Diniz
http?\\rio-canada.blogspot.com

PS? olhando esta fotos da uma saudade tremenda de Vancouver..;-(

Diniz
Aninha Reis disse…
Que legal Ana ! Estou adorando as novidades. Tb já tive uma secadora, qdo era solteira. Era uma mão na roda mesmo, era só tirar as roupas bem rapidinho (senão amassava tudo) e dobrar, ficavam macias, macias. Essa do push/pull confunde mesmo...

Gostei das fotos, coloca uma sua tb !

Beijos
Erasmo & Elaine disse…
Simplesmente fantático o post! Parece que estamos com vocês...rs!

Grande abraço!
Re e Li disse…
Amei as colocações de vcs!
Tenho certeza de que fizeram a coisa certa e que bom que estamos no mesmo caminho!
Sucesso!!!
Bruna disse…
oi Ana, quanta diferença hein! Estou adorando acompanhar as novidades :)
beijo
Que bom que vcs estão gostando. Eu sei que isso é chover no molhado, mas continuamos torcendo muito pela sua família.

Um abraço
Esse post além de muito instrutivo serve também para suportar os meses de espera, e aumenta nossa expectativa de chegar logo em Vancouver e poder desfrutar de todas essas sensações.

Sucesso para toda a família.


PS> A foto da Laura de chapeu rosa está impagável.....
.::Ju::. disse…
Parabéns por manterem o blog atualizado apesar de tantas coisas novas para resolver! Dá pra ver que tem muita gente acompanhando e interessada no novo dia a dia de vcs!
Lindas as fotos! Não deixem de colocá-las!
Aliás, muito fofa a Laura de gorrinho de ursinho! =)
Tudo de bom pra vcs! muito sucesso!

Beijos!
Flavia Sereia disse…
Muita coisa boa né? Ruim vai ser acostumar com tudo isso e depois quando vier no Brasil, seja só de ferias, verificar como aqui as coisas diferentes e é claro, inevitável não fazer comparações e de quebra falar mal do brasil buaaaa rss

Olha, o que eu não aguentaria era o frio, simplesmente não suporto frio rs

bjs
Patricia disse…
Oi Casal,
Vocês não me conhecem, mas venho aqui ha algum tempo. Sempre visito blogs sobre o canadá e vejo os links, em um desses links achei o blog de vocês!!
Parabéns pela vitória!!
Adorei as dicas e as fotos!
E a filhinha de vocês é uma graça!!!!!
Parabéns e muitas felicidades.
Um abraço,
Patricia
Ciça disse…
Ana Paula vc tem de olhar nas etiquetas das roupas qual a temperatura ela deve ser lavada e se pode ir na secadora. Geralmente as roupas do local são feitas para esso: lavar quente e secadora, o contrario do Brasil onde se lava a frio e seca-se no ar, portanto elas provavelmente não vão encolher desde que se respeite a etiqueta
nanda disse…
Laurinha está linda com essa touca de chaves!
Que bom que vocês já estão se acomodando, acostumando, né??
Beijos mil!!
Amei as fotos!! Lindas
Dani e Rafa disse…
Ana,
Mto bom que o pessoal ai respeita fila de ônibus, por que aqui em Toronto é uma bagunça e ninguém respeita nada!!! Bom saber que vcs estão curtindo, os posts estão ótimos e vcs de parabéns!
Sucesso
Karina disse…
Ana,

Tirando o frio, e tudo muito parecido com a Asutralia...muito bom ne??? Adoro morar fora...morro de saudades, mas vale a pena!!!

Beijos

Ka
Julie disse…
Olá.
Xomo são belos seus post, aprece que estou indo com vc a cada lugar.
Lindos.
Não deixe de postar.
Gsotei muito.
Estou pensando em irmmorar fora com meu namroado, mas temos muitos receios por não conhecermos anda nem niguém.
O qeu vc tem para me falar, dicas, conselhos...apesar do pouco tempo né?!
Queria conselhos, dicas, ...pra me preparar e ver se faremos isso memso.
Se puder me mandar e-mail ficaria muito grata: juliemsouza@gmail.com e meu msn é juliemsouza@ig.com.br
Bjs e fique com Deus
Nanda disse…
Até agora muito mais pontos positivos que negativos, né?
Daqui a pouco até eu tô querendo ir pro Canadá...rs.
Tudo de bom pra vcs.
Beijos.
Anônimo disse…
Fiquei muito feliz pelo apartamento! Não esqueça de colocar fotos do seu novo ninho!
:O)
bjs
Anônimo disse…
Namorei Vancouver por muito tempo, certamente seria o meu destino.
Porém mudei para Toronto para iniciar devido a supostas melhores oportunidades de trabalho.
Vendo os seus relatos dessa cidade, a gente fica em dúvida novamente.
Parabéns e poste, eficiente como sempre, sobre as condições de trabalho na cidade e custo de vida.

Ronaldo.
Anônimo disse…
Nossa que legal que ja chegou. As montanhas sao lindas, aqui nao tem e faz falta, tudo e muito reto.
E o frio ta suportavel ?
Fabrício Morais disse…
André, Paula e Laurinha(é lógico),

Fico feliz de ver que as coisas estão indo bem por aí e pelo que vejo estão gostando. Estou acompanhando por aqui as coisas. Estou praticamente morando com vocês, dá uma olhada aí no sofá da sala para ver se eu não estou sentado nele! huahuahuahua
Gostei de ver que já acharam sua nova moradia. Eu estou aqui procurando a minha. Mas isso de ver o prédio antes vale por aqui também! Mas aqui já inventaram uns sites de imobiliária que vc pode ver fotos, inclusive dos prédios, tem uns que tem até imagens em 3D! Por aí isso ainda não chegou!? hshshshs

Brincadeiras a parte, estou torcendo muito pela felicidade de vocês. Muito mesmo! Admiro a coragem de vocês. Acho que vou me encorajar com a coragem de vocês, não para ir para o Canadá, mas para fazer coisas aqui que dependem de coragem como essa.

Cala,

E panela? Vou dar um pulinho aí para pegá-la, pode deixar, não vou demorar. Sei que vai ficar um pouquinho mais caro, mas não tem problema... hehehehe


Sejam muito felizes!!!!


Abraços
Fabrício Morais
Ronan disse…
Apesar do seu blog ser uma fonte de informações fenomenal sobre o Canadá, o Portal 180°, da comunidade STB, fez um especial sobre o país em sua seção Top Destinations. Quem sabe alguma das informações pode ser útil para seus leitores!
Segue o link:
http://www.portal180.com.br/tb_dinamico_.php?ID=141
Abraços!
Ellie B. Morris disse…
Vancouver eh muito legal, neh? Eu passei ferias por ai em Novembro de 2006. Ficamos no Howard Jonhson e achei tudo mundo muito educado. Eles estavam tendo problema com a agua por causas das chuvas e essa foi a unica parte ruim da viagem. Adorei os predios de apartamentos, as lojas, os restaurantes. Foi bem legal!

Esqueci de dizer, mas cheguei aqui atraves de outros blogs. Adoro ler seus posts e desejo a voce muita sorte por ai em Vancouver.
Jeanne disse…
AMEI a parte relativa às roupas. Eu já não passo a maioria delas aqui no Brasil.
Esse lance delas encolherem a Dani tb comentou qdo chegou em Toronto. Acho que é por causa do calor da secadora.
Boa sorte pra vc!
Bjs
Michelle Velloso disse…
Está sumida! Estou com saudades dos seus posts!! Beijinhos!!
Luciana disse…
Oi Ana, Só agora pude ler o seu Post da viagem...Que bom que tudo está dando certo.Gostaria de ter essa sua coragem, eu até tenho, mas o meu marido não. Já visitei o Canadá 3 vezes, Toronto, tenho primos e tia lá, e o meu sonho é morar lá.
Claro que aqui temos muita coisa boa, mas educação e segurança, com certeza tá difícil.
Esse negócio de tirar os sapatos achei bem interessante qdo fui, pois é para não levar bactérias para a casa.
Outra coisa interessante é que sempre tem um dia que o museu/cinema/teatro é praticamente de graça e tem também um dia que alguns restaurantes do shopping fazem esse tipo de promoção (tipo: terça qualquer prato com frango sai por 2,00).
Beijos e boa sorte.
Mirella disse…
Chegar é MUUUUUUito legal, né?
Fiquei com saudades do meu primeiro ano no Canada com esse seu post.
Boa sorte e divirta-se!!!
Essa região deve ser linda mesmo... preciso ir conhecer esse lugar URGENTE!!! Ainda mais agora que estou an costa oeste.
[]s
Marina disse…
E aí, sumidos!!!! Eu sei que a ausência é por motivo de força-maior, mas estamos com saudades de ler vocês!!!! Façam o próximo post bem grandão e cheio de foto, pleeeeease!!!! rsssssss

Uma beijoca
Oi, Ana Paula, André e Laura!

Faz tempo que não passo por aqui. Viajei no Carnaval e quando cheguei meu computer deu pane. Só semana passada pude acessar a net novamente e....
...quantas surpresas!!!! Parabéns pela etapa concluída do processo, por já estarem no Canadá e, melhor que isso, por estarem se adaptando e conseguindo agilizar as coisas: telefone, documentos e ap para morar. Além, claro, da adaptação da Laura, que deve ter sido a maior
preocupação de vcs.

Deve ser uma alegria enorme, né?
Boa sorte pra vcs e sucesso no Canadá!

Beijokas,
Leila
Eva Jucá disse…
Adorei os seus comentários. Depois de estar morando aqui a um tempinho a gente esquece que realmente o que vc relatou foram tb nossas novidades qado chegamos por aqui. Ah, e como alguém já te disse normalmente as portas abrem para fora dos locais, para facilitar a evacuação em caso de incêndio. Claro que toda regra tem excessão, mas essa é a regra e na maioria das vezes dá certo. Olha, as roupas daqui quase não encolhem viu! Fique tranquila! :-) As do Brasil sim, são um terror!!!
Abraços
Eva
Tiago Souza disse…
Olá, tudo bem?!

Encontrei seu blog na comunidade "Maura, me ajuda", via orkut. Gostei bastante de todo seu conteúdo, super informativo, útil de verdade.

Mantenho também um blog sobre o Canadá, com informações sobre suas cidades/províncias, cotidiano canadense, custo de vida, dicas diversas, dinheiro, diversões, estudos e intercâmbio, onde hospedar-se, informações úteis em geral, trabalho, vistos em geral, e tudo mais que tem relação com o país da folha de bordo vermelho. Costumo dizer que a pretensão é ele se tornar um verdadeiro GUIA para quem pretende estudar e/ou morar no país. :)

O endereço dele é http://canada.tiagosouza.com

Gostaria de propor a você uma parceria, uma troca de links entre nossos blogs.
Se possível, envie o link de seu site, que prontamente vou adicionar como um parceiro de meu site, e vice-versa.
A idéia é estar divulgando nosso blog, visando democratizar informações úteis a todas as pessoas que dela necessitam.

Bom, ficarei aguardando um retorno.

Atenciosamente,

Tiago Souza

Postagens mais visitadas deste blog

Você moraria em uma área de terremotos?

Aparentemente nós vamos (se tudo der certo!). Uma amiga minha, que também está com processo encaminhado e queria ir pra Vancouver, veio conversar comigo no início da semana perguntando se eu vi um documentário no Discovery Channel sobre um mega-terremoto que arrasou a costa oeste das Américas em 1700. Segundo especialistas, outro mega-terremoto desses está por vir, em algum momento entre agora e nos próximos 500 anos. Os mega-terremotos são espaçados de 200 a 800 anos, em média.

Aí eu fui catar na internet tudo sobre terremotos em Vancouver. E me deparei com muita informação, inclusive um departamento do governo canadense que cuida só disso, com monitoramento de todos os tremores que acontecem no país - não é só na costa oeste não, acontece em várias partes do Canadá, inclusive no Quebec.

Parece que tremores acontecem com frequência. A cidade tem melhorado a infra-estrutura de edificações para proteger contra grandes tremores e evitar estragos maiores. As pessoas são orientadas como pro…

35mm por 45mm

Quando comecei a ler as instruções do processo e toda a documentação necessária, fiquei muito intrigada com o tamanho das fotos: 3,5 x 4,5 cm. São necessárias 6 fotos. É isso mesmo, não é o padrão 3x4 que a gente conhece, esse meio centímetro de cada lado faz falta. E a especificação não fica por aí... o tamanho do topo da cabeça ao queixo tem que ter entre 2,5 cm e 3,5 cm. Tá tudo detalhado nesse documento, na página C-1.

Primeiro nós tentamos fazer em casa mesmo. Tiramos fotos digitais e manipulei o tamanho no Photoshop. Mas como meus conhecimentos na ferramenta são apenas para a web, é claro que não deu certo. Eu coloquei exatamente o tamanho pedido na régua do Photoshop e quando imprimiu naquele tamanho que eu pedi, a imagem ficou com uma resolução péssima. O que eu tinha que fazer era criar um arquivo em tamanho bem maior, pra quando imprimisse num tamanho menor, a resolução ficar boa. Mas aí tinha que fazer muitos cálculos e proporções pra saber o tamanho necessário do arquivo...…

Fora do ar por tempo indeterminado

Eu nunca pensei que fosse querer encerrar esse blog. Quem me conhece de outros blogs, sabe que eu adoro escrever blogs. O fato é que não há mais tempo. Agora que engatamos de vez na nossa rotina daqui, não sobra tempo pra blogar direito. Eu já tenho o meu outro blog e lá vou continuar escrevendo, mas não exclusivamente sobre as coisas do Canadá.

Outro fator que nos fez dar um tempo com o blog, pra ser bem sincera com vocês, foi um pouco de chateação com a quantidade de emails que recebemos perguntando sobre o processo, sobre a vida aqui, sobre o mercado de trabalho aqui em determinada área. Tem gente que nem se dá o trabalho de ler os arquivos. Tem gente que escreve perguntando do processo de Quebec. Tem gente que vem estudar aqui e quer que a gente indique acomodação. Tem gente que quer saber se o mercado de trabalho em engenharia química ou biblioteconomia (são exemplos, tá) é bom aqui. Tem gente que pergunta se aqui em Toronto (!!!!!) é legal... Ou seja, totalmente sem noção.

Quem já…